A cultura desta celebração é muito mais forte em países onde o idioma oficial é o Inglês, principalmente nos Estados Unidos.
Com o passar do tempo a festa ganhou popularidade e, atualmente, é comemorada, mesmo que em menor escala, em vários países pelo mundo.
O nome Halloween tem origem da expressão All Hallow’s Eve (véspera de todos os santos); chamada assim pois é comemorado um dia antes deste dia.

A história conta que há mais de 3 mil anos os Celtas celebravam o Festival de Shamhain, que tinha duração de 3 dias e início no dia 31 de Outubro, comemorando a passagem de ano e a chegada do inverno. Para este povo, o início do inverno representava a aproximação entre o mundo dos vivos e o mundo dos mortos.
Acreditavam que, na troca de estação, os mortos regressavam para visitar suas casas e também que surgiriam assombrações para amaldiçoar seus animais e colheitas.
Foi nesta época que surgiram os símbolos que hoje em dia caracterizam as nossas festas de Halloween, estes eram utilizados pelos Celtas para afastar os maus espíritos.

As cores (Laranja, Roxo e Preto) são usadas até hoje pois o Festival do Samhain acontecia quando as folhas das árvores tinham sua colocação alaranjada e os dias eram mais escuros; no festival os rituais sempre envolviam o uso de fogueiras, e isso atraía Morcegos…

O pedido de doces, feito pelas crianças (Gostosuras ou Travessuras?), acontece devido à uma tradição das mulheres celtas, que faziam um bolo conhecido como “bolo da alma” com o intuito de apaziguar os maus espíritos.
A Lanterna de Abóbora chegou pelo Conto de Jack o’Lantern, onde um rapaz celta foi proibido de entrar no céu e no inferno e vaga eternamente com sua lanterna em busca de descanso; no conto a lanterna era feita com um nabo, mas dada a quantidade abundante de abóboras nos Estados Unidos em outubro, elas terminaram dominando as decorações das festas.
Para o povo Celta os mortos assumiam, entre outras, formas de Esqueletos, Múmias e Fantasmas, o que nos trouxe as Fantasias e Máscaras utilizadas atualmente, eles acreditavam as vestimentas e os disfarces ajudavam a enganar os espíritos, que não os reconheceriam como humanos e continuariam vagando sem os importunar.

Mais tarde na história, lá pela Idade Média, a Igreja Católica começou a condenar este Festival, os curandeiros que participavam deles eram considerados bruxos, e por se posicionarem contra a Igreja eram queimados nas fogueiras. Foi assim que surgiu o termo “Dia das Bruxa”; para mudar o foco pagão da festa, a Igreja alterou o seu calendário e passou a comemorar no dia 1 de Novembro o Dia de Todos os Santos (que até então, era no dia 13 de Maio).
No Brasil o Halloween segue a data da tradição Norte Americana, é comemorado no dia 31 de Outubro, mas ainda não tem o mesmo apelo cultural; em sua grande maioria, é influenciado por escolas de Idiomas que promovem as festas com a intenção de inserir em seus alunos a cultura dos países de língua Inglesa; ainda assim, nos últimos 20 anos este hábito tem se desenvolvido e existem muitas festas à fantasia com este tema por aí, além de comércios, bares e restaurantes que aderem a temática de monstros, bruxas e vampiros.

Aqui na Coronna Festas você encontra diversos artigos de Fantasia, Decoração, Balões Personalizados, Lembrancinhas e muitas ideias para preparar seu estabelecimento ou uma linda festa de Halloween.

Carolina Rodrigues

× Como posso te ajudar?